28 de maio de 2012

Precisamos conversar (A D.R. CHOQUE DE MONSTRO)

Vocês que me lêem sabem que nunca fui comprometida com critérios. Escrevo sobre estátuas e cofres e paredes pintadas ninguém sabe o que aconteceu.... sempre foi assim. Minhas ideias vêm de acordo com o meu momento de vida. E eu odeio muito quem usa a expressão "meu momento de vida".

Daí  fico lá no twitter (@elisa_lemme) falando merda produzindo conteúdo e ultimamente, por motivos de falta de outros assuntos edificantes, acabo chafurdando na lama dos temas recorrentes (pra não dizer repetitivos e enfadonhos) sacanagy, minha não-vida-sexual, minha vida de solteira, gracinhas do Vinícius, alguns palavrões, calcinhas (tiamo Wando, onde quer que esteja!) e músicas cafonas. 

DITO ASSIM PARECE À TOA. E DE FATO É.

Dia desses me cobraram (Sério. Cobraram mesmo. E por e-mail!) duas coisas:  (1) a presença no blog.  (2) temática mais RELEVANTE no twitter. E embora tenha ficado toda emburradinha na hora (sou dessas), parei pra pensar e saquei o seguinte: MUDEI. (dã!) MUDEI E NÃO TÔ SABENDO LIDAR. (dããããã). MUDEI, NÃO SEI LIDAR E NÃO SEI SE VOCÊS VÃO ME AMAR. (Eike ridícula!).

Se antes falava sobre minha vida de mulher casada, dona de casa, sem filhos,  hoje...bem, hoje tô solteira, tenho um filho (LINDO DELICIA AMÔ) de quase 1 ano, uma pseudo-vida-social capenga (mas amada),  não tenho mais uma casa para costurar almofadas...enfim... VIDALOKA. Up and down. 

Claro que sobrevivo a isso da maneira mais alegre (COM FLUOXETINA E TERAPIA) possível, hora me deslumbrando com a liberdade, hora morrendo de depressão Maysa Meu Mundo Caiu pelo mesmo motivo, penso em dizer mil coisas que.......pffffff....... 

Não sei terminar esse post. 
Aliás, esse post não tem fim.
Tô por aqui.
Tô tentando.
Tô de cílios postiços.

46 comigo:

✿ chica disse...

Não sei o que rolou, mas acho que nos nossos blogues podemos escrever de tudo um pouco.O que passa pela cuca.rsrs beijos,linda semana,chica

mélis disse...

eu sou uma daquelas fãs-leitoras-assíduas que nunca comentam :/
mas achei que tinha que vir aqui te dizer pra não ligar pra essas "cobranças" não...
Seu blog era uma delícia de ler na "fase anterior" e é outra delícia de ler nessa nova fase <3
(aliás acho muito admirável vc falar da sua vida como ela é. As pessoas andam querendo mostrar só o lado-uhuu-como-sou-feliz )

Carol disse...

Temos que escrever se e quando tivermos vontade, senão o blog passa a ser uma chatice total.
Beijos

Anônimo disse...

Ah Elisa, essas cobranças hahah..poque ti gostamos muito e temos medo de te perde!! mas quando vc escreve mesmo que seja "estatuas quebradas e paredes pintadas" !NÃO SE JOGUE DO 4ªANDA) pelo amor de Deus fia! voltando as estatuas pintadas, mesmo que sejam elas o "assunto" o nosso dia fica mais especial,vc especial, fofo!

Daiane disse...

Elisa, o blog é seu, ninguém tem direito de te cobrar nada!
Nós (EU) adoramos as tuas postagens e claro, sim, óbvio, loucamente adoramos quando você posta, sobre tudo, sobre nada e sobre as calcinhas, sobre o Vinícius lindo, gostoso, amô, e sobre qualquer coisa!
Escreva o que quiser e quando quiser, eu não deixarei de te amar <3 (Ei, sou hetero ok!Isso não é uma cantada!)

deferreira disse...

Elisa, seu blog é lindo! Você é linda! E eu rolo no chão de rir com seu twitter.

Sei que por trás de toda a palhaçada tem uma mulher maravilhosa, que tá aí pra enfrentar esse mundão de Meu Deus.

Então relaxa, divirta-se, e use os meios de comunicação pra se expressar e desabafar. Você não precisa de público, então não precisa abordar temas relevantes. Azamiga da intenetchi tão aqui pra te ler e te compreender!

Beeeijo!

Juliana disse...

seja no blog, seja no twitter, a gente te ama! =)

tia ká disse...

Você é linda, e seus leitores te amam. te ama assim, simples. Agora bota na caixa de texto o que te der na cabeça que todo mundo vai entender.
bjo

Babirah disse...

Sou a pessoas mais louca/confusa/chata em relação a mudanças! E mesmo que sejam situações diferentes eu tb estou nessa "vibe" de mudei e agora? F***u! E o pior ou melhor (depende do ponto de vista) é se descobrir mudada no meio da mudança! Tipo, agora rola todo o medo q vc citou ali em cima, e se não gostarem mais de mim? Mas sendo sincera? Quem tem que gostar de mim/vc é eu/vc mesma, as pessoas mudam e aquelas que te acompanham e te amam vão evoluir e continuar te amando, estamos todos crescendo (por maior que seja meu complexo de Peter Pan) e se não gostarem do nosso novo Eu tb é pq já foi a fase ;)
Adoro seus posts e seus tweets!!!
Beijokinhas

Luciana Prado disse...

Ahhh na boa, o blog e o twitter são seus, se alguém não gostou vai lá e faz outro, pronto! Você fala e faz o que quiser neles, e se alguém não gostar, enfim, ema ema ema... É fácil ficar sentada e dar pitaco na vida dos outros né?

Evelyn disse...

Elisa, você sempre muito ótima. Venha aqui mais vezes, vamos te amar COM CERTEZA. E eu odeio muito que fala "COM CERTEZA"... AAAAAHHHH.....
Bjão

Evelyn Eng disse...

Elisa, você sempre muito ótima. Venha aqui mais vezes, vamos te amar COM CERTEZA. E eu odeio muito que fala "COM CERTEZA"... AAAAAHHHH.....
Bjão

Amélie Poulain disse...

De boa?
Te amo mina!
Escreve o q te der na telha, o q vc quiser, a hora q quiser, pq toda vez q vc escreve, me faz feliz!
[odeio quem fala "de boa" e "mina"]

Inaie disse...

Ah Elisa, você é dessas pessoas que a gente ama e nem consegue explicar por que. Então casada, solteira, sem filhos, com o Vinicius, mudada ou não, nós vamos estars empre por aqui. Mil vezes cogitei tirar o seu blog o meu reader, com a desculpa de que vc nunca escreve mesmo... mas aí não tenho coragem em você vai ficando na minha vida. E eu gosto.

Jac. disse...

Eu to amando a Elisa nova tanto quanto amava a véia (já que a atual além de todos os itens de fábrica tem Vinicote!). Escreva no blog, não escreva, faça almofada, rasgue a almofada, seja a almofada... Sendo você mesma eu acho que vale tudo! BJO

Anônimo disse...

Kkkk
Amo demais!
Isabella

Stella disse...

Pô, Elisa, eu confesso que também sinto falta de ti no blog. Mas não tenho nem cara pra te cobrar que o meu mesmo anda abandonado tem tempo. Então entendo que nem sempre a gente sabe o que dizer, nem como dizer, sei lá, te entendo. Além disso, me divirto MUITO com vc fazendo a Shakira do kuduro (ui!) no twitter. A gente ainda te adora, abandona nóis não!

Gabriela disse...

Olá!!!
não podia deixar de comentar,
Ela fala e sai andando,esse e o objetivo ,ou não é?kkkk
ficar sumida do blog,falar coisa as vezes não interessantes para uns mas interessantes para outros ,nunca se sabe né,faz parte da nossa vida eu acho o máximo,adoro este blog acho o máximo falar da vida como ela é ,afinal de fantasias não se chaga a lugar nenhum,até porque o caminho que percorremos e bem real com seus altos e baixos.Se neste momento de sua vida vc estiver afim de ""comer,razar e amar""kkkk aproveite bem pois momentos são eternizados por ações então faça tudo que tiver vontade e registre ,claro,para que possamos acompanhar,olha a curiosa aqui,kkk
não se deixe levar por cobranças,aliás, já pagamos de mais nesta vida a fora.
abraços fique com Deus

Claudia disse...

Aqui em casa, a gente também te ama!

ana_didi disse...

A gente te gosta mesmo assim, toda bagunçada e desarrumada Elisa :) e ó quer saber? Cobrança é o ó !
beijos e um abraço cheio de axé diretamente de Salvador

entre amigas disse...

Kkkkkkk!!!!! Vc eh muito engraçada Elisa! Te acompanho a muito tempo, Tbm me separei, voltei pra casa da minha mãe com dois filhos.... Enfim! Te entendo perfeitamente!!!!

Maiby Martins disse...

♫ não se vá!♪
eu tinhamo e não sei viver sem sua autenticidade.
bora falar bobagI, encher os olhos de quem lê as merdas que escrevemos e phoda-se o mundo, que meu nome não é Raimundo!
♥ cás mãos procê.

Mila disse...

Gente, vc escreveu aqui de novo e eu nem tinha visto, ou tinha e esqueci de comentar? Não sei, só sei q eu acho mó banana essa galera q tá reclamando de vc, vc continua uma linda, transparente, engraçadíssima, q coloca as coisas q tá rolando aí no seu coração pra fora da maneira mais graciosa e engraçada. Vc dividir sua vida com a gente é uma honra. Sigo te amando. E cada dia mais, pra ser bem sincera. Um beijo!

Thania disse...

Ai Elisa eu sou sua fã!
Te sigo no twitter e dou risada sozinha com as coisas q vc escreve!

Era sua "amiga" no face, mas acho q vc andou faxinando tudo e eu rodei, mas td bem....eu gosto mesmo assim de vc!!!!!!

Senti MUITA falta do seu blog qdo vc parou de postar!
Juro!
Fiquei meio orfã, sei lá!
Fico feliz por estar voltando!

Bjos

Anônimo disse...

Elisa, eu queria te dizer que a gente continua te amando e que eu sinto falta demais daquele seu blog roll do antigo lay out... Demais mesmo!! Não dá pra colocar ele de volta aqui? Tantos links bacanudos...

beijo,
Ale

Bete Sozza disse...

Seja vc é assim que te seguimos há tempos......

Bete Sozza disse...

Seja vc é assim que te seguimos há tempos......

Sonia Braz disse...

E eu q só tinha um blog decente qd minha vida tava uma merda total?!.. Daí tb mudei. Fiquei feliz, não quero mais escrever, fechei o blog, perdi a senha e quisssidâ-ne! Espero q tu nunca NUNCA siga pelo mesmo caminho. Pq a gnt te ama e faz coraçãozinho com as mãos. Bjs!

Alvaro Vianna disse...

Minha única queixa é que você tem aparecido pouco aqui.
bjs

Lu disse...

Oi Elisa,
Você falo de tudo um pouco,mas o principal você não falou.
Você tá magra,tá linda e com uma cara de Ryca nessa foto.
Beijo para você e para o Vinicius
Lu

Anônimo disse...

Vc é uma graça, te acho super legal. O Vini é um presente de Deus, que te ama e sabia que esse presente te daria muita força. Vamos garota vc nao é só isso, é uma GUERREIRA. Desculpa eu me intrometer em sua vida, chegar dando conselhos parecendo uma sabidona, mas queria que vc soubesse que torço por vc, acompanho o blog a pouco tempo nos raros momentos que posso desfrutar da net. Keep calm and carry on. Vou continuar intercedendo por vcs. Fica com Deus. Um beijao.
Flávia
flaviacoelhoss@hotmail.com

Doce Sucre disse...

Oi Elisaaaa! Há quanto tempo! Passei por acaso prá ver se você tinha voltado a postar... e voilà! Você está de volta com novidades boas e ruins.

As boas: com um filhote lindoooo e muito linda também! A maternidade te fez bem!

A ruim... a separação. Espero que vc fique bem logo. Isso doi demais e quase aconteceu comigo também.

Desejo um montão de coisas boas pra vcs, viu?! Bj gde

Luiza Hidemi disse...

eu sigo o blog pq gosto da forma como escreve, tao espontanea criativa e autentica. nao importa se vc eh casada, desquitada, recem solteira, adolescente tardia...
nao deixe de escrever, todos nos mudamos. e eh um otimo sinal XD estamos vivos!!!
sua carta pro vinicius ficou linda
ateh chorei... (depois q eu virei mae passei de gordura a manteiga derretida)
bjos e nao suma... ahhhh vou te perseguir pelo twitter, nesses dias sumidos eu bem q procurei por ti, achei uma pessoa no face, mas nao tinha certeza se era tu XD

Diane Lorde disse...

Só ontem lerda que sou, soube que esta de volta!
Bem vinda à sua casa e aos meus dias com mais humor.
Adorei saber que apesar dos pesares da vida isto aqui ainda figura como suas coisas queridas.
Parabéns pelo retorno!

Keu Dias disse...

Muito mulher! Foi muita mudança de vez(casa, estado civil, a maternidade...), se um ítem só nos desestrutura, imagine! Parabéns pela sua sinceridade e pelo modo gostoso de escrever coisas agridoces. Bjocas para Vinicius!

AnaDora disse...

Pois é, sou daquelas fãs da Elisa, que não importa o que escreva, sempre gosto.
Nosso mundo cai a todo instante e não há nada que se possa fazer a não ser assistir e tentar superar....Eu sem terapia e sem Fluoxetina, mas com alguns remédios para dormir, enfim, pense que o melhor você tem em seus braços e aproveite cara amiga, pois eles crescem rápido.

Anônimo disse...

Sabe, Elisa, eu te entendo. Nem sempre temos vontade de escrever, de falar ao telefone, de visitar a mãe ou a avó, que certamente falarão do nosso peso, não temos vontade de responder um e-mail... E isto para mim é normal. Temos nossos altos e baixos. Dias de cão e outros mais calmos, de alegria, vida mais fácil... Mas é assim que é. Noventa e oito por cento das pessoas tem uma vida assim, com problemas, alegrias, tristezas, pé na jaca, desespero, choro, arrependimentos, fila de banco, raiva do saldo no banco, achar que merecia mais e que Deus não está nem aí. Isto é vida normal. Mas, e sempre tem um mas, ando muito nos blogs por aí e noto que existe também os dois por cento. Que levantam as quatro da manhã, fazem um bolo delicioso, preparam a mesa mais linda do universo, flores nos jarros, tomam o café perfeito com a família reunida, isso lá pelas 06:00, quando já estão maquiadas e com o maior sorriso de contentamento. Passam a manhã cuidando do almoço, das compras para a melhor sobremesa do mundo e fazem uma refeição digna de chef. Após o almoço, assim que a família sai de casa, limpam cada cantinho, perfumam tudo, higienizam, colocam no sol, trocam toalhas, passam roupa, lavam alguma que ainda não tenham lavado, cuidam das plantas, penduram quadros, pintam paredes e móveis e mudam a decoração de lugar. Mas não param por aí. Costuram, fazem tricô e todos os tipos de trabalhos manuais que você possa imaginar. Arrumam o cabelo, fazem massagem, as unhas, esfoliação e drenagem. E postam no blog todas as fotos para provar. Muitas fotos e texto. Depois, fazem uma janta mais perfeita que o almoço, assistem tv agarradinhas ao marido lindo, este completamente apaixonado, colocam os filhos educados na cama, provavelmente fazem o melhor sexo do universo e, novamente, lá pelas 03:30 da manhã, um pouquinho antes de levantar, já estão planejando o andamento da vida perfeita que levam. Essa não é a minha vida, provavelmente não é a sua e também a de muita gente mais. Mas não se sinta uma droga por isso. Nós somos falhas. Temos nossas dificuldades, nossos problemas. Eu, por exemplo, fico feliz quando a comida sai "meia boca" ou quando posso dormir mais um pouquinho. Vivemos no mundo real. E nele, no mundo real, perfeições são bem mais raras que nos blogs da vida. Por isso não tenha medo de demonstrar quem você é, suas inseguranças, seus defeitos, sua falta de vontade de escrever a cada minuto. Se você acorda com o humor "prejudicado", fica deprê, chora, reclama do chefe, detesta limpeza de casa, não é tão boa cozinheira, não está no peso perfeito, sente dor de cabeça ou uma dor imensa quando alguém te machuca, só demonstra que você é real. Que você é o que você é. E isso é o mais lindo da vida. Continue sendo a Elisa, cheia de dúvidas e imperfeições, e nós estaremos aqui, imperfeitas, com muita vontade de te dar um abraço e dizer que a vida é meio madrasta com várias de nós. Mas que, muitas vezes, ela dá uma boa guinada e voltamos a rir sem culpa,inclusive de nós mesmas. Um beijo, Beatriz

tia ká disse...

Venho sempre aqui ler você,e você aí se fazendo de difícil!

Márcia Sberthny disse...

Elisa...Fiquei tão feliz de ver que vc voltou a escrever!!!!
Não se importe com as cobranças, o blog é seu e vc escreve quando bem entender...rs
Consigo entender a fase que vc está passando, também voltei a ser solteira, só que com 2 filhos...
Meu bebê tem só 2 meses e parece que tudo fica sem nexo...rsrs...rimos de tudo e choramos por nada! Continue escrevendo, desabafando...e eu prometo continuar lendo e amando! beijos

Anônimo disse...

eu amo, elisa! aqui, no twitter, como tiver que ser.
se não amasse, simplesmente não leria mais e pararia de encher seu saco com isso. porque, né?!, o blog é seu!

beijos!!
(e a parte da presença por aqui... eu sinto falta!)

Anônimo disse...

Oi, Elisa
Gostei de saber que voltou! Bola pra frente e pense se for agradar aos outros ficará infeliz.
Bj
Lucia

Anônimo disse...

Cade vc que nunca mais apaeceu aqui, pra mim fazer sorri?? SAUDADE, APARECE PLEASE!

Gi disse...

ô Elisa! Como você é chique amiga! Te mandaram um e-mail cobrando pseudo maturidade foi? Pq né? Almofadas de bolinhas são coisa de gente madura! hahahahahahaah Adoro Elisa! Do jeito que estiver!

Anônimo disse...

te amo elisa!!!!!!! estou feliz que voltou a escrever
fazia tempo que não vinha aqui no blog....
fiquei surpresa com a separação, mas torcendo por sua felicidade

a vida é loka e os caminhos não são sempre certinhos

mas caminha com fé!

"vamos com vc nos somos invenciveis pode crer...." =P
bjs pro Vinicius lindo

Anônimo disse...

Conversava as vezes com vc no twitter depois que descobri o seu blog, e odiei qndo vc fechou ele por algum tempo. Só hoje lembrei do nome do blog e voltei a ler... Li tudo, e morri de rir com alguns post.
Não pare de escrever!
Beijos

João Esteves disse...

Elisa, admiro esse seu dom da alegria, com remédios e tudo, patente ao "produzir conteúdos" tuitados, a cada passo do presente post. Você vive e como a vida não poupa ninguém de experimentar algum sofrimento você ... vive. Sua não-vida sexual por exemplo é coisa pra lá de séria, por mais que se queira brincar. Não dá. Ou dá, pois você brinca. Acaba ficando divertida essa visão, essa maneira de sempre achar um lado engraçado nas coisas. Não importa que dramas pessoais lhe sobrevenham, estou convencido de que você é forte o bastante pra continuar experimentando o que a vida oferece a cada momento, sempre falando e andando. Parabéns.